Polícia Federal cumpre mandado de busca e prisão de primo do senador Aécio Neves

Frederico Pacheco de Medeiros, primo do senador Aécio Neves (PSDB-MG), foi preso em Nova Lima, região metropolitana de Belo Horizonte. Na delação dos donos da JBS foi apresentada uma gravação que mostra Aécio pedindo R$ 2 milhões a Joesley Batista. Esse dinheiro teria sido entregue a Frederico. Veja também como o mercado reagiu às denúncias que abalaram o governo Temer.

Avaliar Postagem
Compartilhe!